Agende sua consulta: (62) 3224-8234 • (62) 3224-8233  

(62) 99961-5112

Faça agora seu pré-agendamento

Angioedema

Angioedema

 

Angioedema, é um inchaço que acomete a camada mais profunda da pele. Pode ocorrer em diferentes regiões do corpo como mãos, pés, face, lábios, pálpebras, língua, genitália, glote (ocasionando falta de ar) e alças instestinais. O predomínio dos locais acometidos depende muito do tipo do angioedema.

Na realidade, essa doença pode ser causada por histamina, que é uma substância liberada de certas células do nosso organismo e que faz parte da mesma fisiopatologia da urticária (pode estar 40% das vezes associado a urticária e 10% dos casos ocorrem sem associação com urticária). Neste caso, devemos tentar identificar possíveis causas relacionadas ao surgimento do quadro clínico, como alimentos, medicações,  infecções e doenças autoimunes, mas muitas vezes pode não se chegar a nenhuma causa, sendo assim denominado idiopático.

Existe ainda, o angioedema mediado por outra substância sem ser a histamina, que é a bradicinina e que pode ser dividido em adquirido ou hereditário. Quando falamos da forma adquirida, temos que pensar nos casos relacionados a uso de determinadas classes de anti-hipertensivos (ex: inibidor de enzima conversora de angiotensina como captopril), associados a doenças autoimunes (ex: lupus) e linfoproliferativas (ex: linfoma) em indivíduos acima de 40 anos, e ainda, temos a forma idiopática (sem causa conhecida). Já o angioedema hereditário, como o próprio nome diz, é uma patologia de caráter genético, tendo envolvimento de mais de um membro da família, embora possa ser feito diagnóstico em um indivíduo sem história famíliar, pois o paciente em investigação pode ser o primeiro a abrir a mutação genética. As formas de angioedema hereditário conhecidas são, com deficiência de inibidor de C1 (proteína que participa de várias funções do nosso organismo), associado a um déficit quantitativo e qualitativo (tipo 1) ou déficit apenas qualitativo (tipo 2) e ainda pode ser com inibidor de C1 normal, associado a mutação do fator XII da coagulação ou sem mutação conhecida. Fatores que funcionam como gatilho desencadeando o angioedema hereditário são, estresse, trauma (incluindo procedimentos cirúrgicos), estrogênio (anticocepcional) e exposição ao frio intenso.

O angioedema é uma doença que pode impactar muito a qualidade de vida do paciente, variando quanto a frequência das crises, pode ser acompanhado de dor no local, algumas vezes pode causar algum tipo de debilitação de atividades diárias dependendo da localização, pode trazer risco de vida quando acomete a glote causando falta de ar, pode levar a cirurgias desnecessárias quando acomete o abdome, já que pode ser confundido com algum abdome agudo inflamatório (ex: apendicite) e quando ocorre na face, muitas vezes leva o paciente ao isolamento social, por apresentar um aspecto desfigurante durante o episódio.

O diagnóstico deve ser feito sempre por um especialista, pois, existem diversas causas que podem estar implicadas no surgimento do angioedema, o que torna necessário uma história clínica muito bem detalhada e complementação com exames direcionados para causa suspeita. Por isso, é importante o paciente ficar atento aos sintomas para não delongar na procura por um alergista e imunologista, até porque no caso específico do angioedema hereditário que é mais raro, ainda é uma doença subdiagnosticada por médicos, já que muitos desconhecem essa patologia.

Quanto ao tratamento, pode variar conforme a etiologia do angioedema. Deve ser primeiramente investigado minuciosamente pelo especialista, para que se descubra se é o angioedema causado pela histamina, que pode ou não estar associado a lesão de pele (urticária) ou se é o angioedema causado pela bradicina  (adquirido ou hereditário), visando a conscientização do paciente sobre a patologia, para que possa ser escolhido o melhor esquema terapêutico, incluindo o profilático quando necessário, e para que sejam evitados gatilhos desencadeadores de crises, sempre visando o controle dos sintomas para uma melhoria na qualidade de vida.


Agende sua consulta

(62) 3224-8234